Notícias
CSA-AL bate o Remo no Rei Pelé
Série C
12.08.2017 - 18:30 - Pará

O Remo foi derrotado na tarde deste sábado pelo CSA-AL por 2 a 0 no estádio Rei Pelé, em Maceió, em duelo válido pela 14ª rodada da Série C do Campeonato Brasileiro 2017. Os gols dos alagoanos foram marcados por Rafinha e Didira, sendo um em cada tempo.

Com o resultado, o Remo segue com 18 pontos e ocupa a quarta posição. Já o CSA-AL é o líder da chave A com 27 pontos.

No próximo domingo, o Remo enfrenta o Botafogo-PB no estádio Mangueirão, em Belém. Já o CSA volta a campo no sábado para encarar o Confiança-SE no Baptistão, em Aracaju.

O Jogo – Como já era de se esperar, o CSA tomou a iniciativa da partida e assumiu o controle de jogo nos primeiros minutos. Apesar do domínio territorial, o time da casa encontrou muitas dificuldades para penetrar a defesa do Remo e concluir a gol.

O único lance de perigo no início do jogo aconteceu aos sete minutos. E somente em uma jogada de bola parada. O meia Daniel Costa cobrou escanteio na área e o zagueiro Jorge Fellipe acabou chegando atrasado.

Depois disso, o jogo se arrastou sem grandes emoções por um longo período. Mesmo com o Azulão ocupando o campo de ataque. Até que aos 35 minutos, saiu o gol dos alagoanos em uma bola parada. O lateral Rafinha soltou uma bomba em cobrança de falta e a bola pegou na trave direita do goleiro Vinicius antes de entrar.

O gol deu um pouco mais de emoção ao jogo. O Remo precisou sair um pouco mais para o ataque e cedeu espaços para os donos da casa. Aos 36 minutos, o zagueiro Thales chegou a marcar o segundo, mas estava impedido. O atacante Michel finalizou assustando o goleiro visitante Vinícius.

Se na primeira etapa o CSA criou as melhores chances, na segunda o domínio foi ainda mais evidente. Logo aos sete minutos, o time poderia ter ampliado o placar. O lateral Dick cruzou pela direita e Michel desviou de cabeça para ótima defesa de Vinícius.

Diante de um time sem poder de reação, o Azulão seguiu criando. Aos 14 minutos, Daniel Costa arriscou de longe com perigo. Aos 21, o atacante Edinho recebeu na área e carimbou a trave, após chute rasteiro. Aos 23, o mesmo Edinho saiu na cara do gol, mas chutou em cima de Vinícius.

O gol que sacramentaria a vitória dos alagoanos parecia ser apenas questão de tempo. E, de fato, foi. Aos 39 minutos, o zagueiro Bruno Costa e Vinícius “bateram cabeça”. Melhor para o meia Didira, que entrou na área com liberdade e tocou de cabeça para encobrir o goleiro.

Foto: Ascom Remo


Ficha Técnica
CSA-AL 2 x 0 Remo
Local:
estádio Rei Pelé (em Maceió-AL);
Árbitro: Diego Pombo Lopez (BA);
Assistentes: Adailton José de Jesus Silva (BA) e Dijalma Silva Ferreira Jr. (BA);
Gols: Rafinha aos 35’ do 1º tempo; e Didira aos 39’ do 2º tempo;
Cartões amarelos:
Dawhan, Michel e Thales (CSA); Bruno Costa, Eduardo Ramos, Gerson, Ilaílson, Jayme e João Paulo (Remo);
CSA-AL
Mota; Dick (Celsinho), Thales, Jorge Fellipe e Rafinha; Dawhan, Boquita, Rosinei (Didira) e Daniel Costa (Caíque); Edinho e Michel. Técnico: Ney da Matta.
Remo
Vinícius; Ilaílson (Flamel), Leandro Silva, Bruno Costa e Gerson; João Paulo, França, Dudu e Eduardo Ramos (Jayme); Edgar (Danilinho) e Luiz Eduardo. Técnico: Léo Goiano.

Fonte: Futebol do Norte, com informações do Futebol Interior
 
© Copyright 2004 - 2017 / Todos os direitos reservados a Futebol do Norte